Avatar: Fora dos cinemas da China, mas nas montanhas

De acordo com a Efe, em Pequim, a etnia chinesa Tujia, da província de Hunan fez uma cerimônia para mudar o nome da cordilheira “Qiankunzhu”, que passou a se chamar “Aleluia”, nome dado às montanhas flutuantes que aparecem no filme “Avatar”, segundo informou hoje a agência oficial de notícias “Xinhua”:

O diretor de “Avatar”, o canadense James Cameron, se inspirou na cordilheira Qiankunzhu para criar as montanhas flutuantes “Aleluia” após ver imagens capturadas por fotógrafos de Hollywood que em 2008 estiveram na China para capturar imagens durante quatro dias.

O topo da cordilheira está 1.074 metros acima do nível do mar, e é uma das mais de 3 mil montanhas da zona turística de Yuanjiajie, patrimônio natural do mundo na cidade de Zhangjiajie (Hunan).

Leia mais clicando aqui.

~ por Tommy Beresford em janeiro, 26 2010.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: