[Resenhas] Batman – O Cavaleiro das Trevas Ressurge

Depois de tantos filmes de Batman, o que resta, o que fica de fato ? Sem dúvida, os filmes de Christopher Nolan são os melhores. Tim Burton deu um tom de fábula ao herói, mas não tornou seu Batman inesquecível. Já o clima sugerido de Joel Schumacher beirava à cafonice, talvez mais calcado no herói da TV mas sem capturar o espectador, muito menos o fã do herói.

Já Nolan se cerca, neste seu “Batman – O Cavaleiro das Trevas Ressurge”, de grandes nomes já conhecidos, como o montador Lee Smith, o grande Hans Zimmer (fazendo mais uma excelente trilha sonora) e o diretor de fotografia Wally Pfister, e assim tem suporte técnico já em alto nível, e prefere o tradicional 2D (ao invés do quase onipresente 3D), rendendo-se apenas ao suntuoso tamanho do IMAX.

Também dispõe de um excelente elenco: além dos já tradicionais (o correto Christian Bale, os excelentes Gary Oldman e Morgan Freeman e o sempre excepcional Michael Caine), uma atriz de talento e oscarizada (Marion Cottilard) vem seu juntar à trama. Marion, porém, quase põe tudo a perder: curiosamente, é a atuação mais fraca da trama.

Não há como avaliar o vilão de Tom Hardy, preso à sua limitante armadura bucal, mas há pelo menos uma cena memorável, a da luta mano-a-mano com Batman. Mas, se Joseph Gordon Levitt não brilha (mas não compromete), coube a Anne Hathaway roubar a cena. Sem que, em nenhum momento do filme, a conhecida alcunha “Mulher Gato” fosse citada, ela fornece o “pé no chão” que, em meio a tamanha pancadaria, a personagem precisa. Esqueça, portanto, a já clássica lambida de Michelle Pfeiffer em Michael Keaton: Anne Hathaway arrasa.

Outro ponto alto do filme é a clareza: não há o que não entender no filme, tudo muito bem explicado mas sem didatismo. O mais importante: pouco importa se este “Batman – O Cavaleiro das Trevas Ressurge” é melhor ou pior que “Batman Begins” ou “Batman – O Cavaleiro das Trevas” (e vocês sabem como detesto comparações), o fato é que o novo filme de Christopher Nolan é excelente — escolha você mesmo o seu preferido. O fato é que muita gente duvidou que Nolan conseguisse mais um filme brilhante para fechar (será ?) sua trilogia pessoal, ainda mais depois do brilhante Coringa do saudoso Heath Ledger, insuperável. Mas Nolan conseguiu e, portanto, não perca.

Tommy Beresford

~ por Tommy Beresford em agosto, 02 2012.

Uma resposta to “[Resenhas] Batman – O Cavaleiro das Trevas Ressurge”

  1. Gostei, filmão. Tudo que vc disse aí: independente dos outros filmes, este arrasa… 😉

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: