[Resenhas] Che

che_cartaz1É importante avisar a quem vai ao cinema assistir a “Che” que esta é a primeira parte de mais de quatro horas de filmagem: “O Argentino”, subtítulo que leva em alguns países, vai da entrada de Ernesto “Che” Guevara, no grupo de Fidel Castro, até a derrubada do ditador Batista, no final da década de 1960.

O filme é muito bom, mas cansativo, chato até, durante toda a parte em que o grupo está embrenhado na mata. A meia hora final, com a tomada de Santa Clara, salva com louvor esta primeira parte.

Mas vale mesmo a pena assistir a esta metade do longa de Steven Soderbergh por Benicio Del Toro, melhor ator no Festival de Cannes. Um grande ator num grande papel. Não dá pra prestar atenção em nenhum dos demais atores (incluindo aí Demián Bichir como Fidel Castro, Julia Ormond como Lisa Howard, Rodrigo Santoro como Raul Castro e Catalina Sandino Moreno como Aleida March, entre outros) enquanto Del Toro está em cena.

che_cena

~ por Tommy Beresford em abril, 07 2009.

3 Respostas to “[Resenhas] Che”

  1. O filme é chaaaaaato demais. Esta primeira parte nos leva a cres, depois de cinquenta anos da revolução de Fidel Castro, que regimes ditadoriais, como os de Cuba, não levam a nada. Vejam como ficou a ilha de Fidel depois da queda do governo anterior. Se é para comemorar a data, sem comentários. Como reflexão, tudo a ver.

  2. O filme é muito bom, Benício Del Toro estava magistral!Estou aguardando ansiosamente a segunda parte.

  3. O filme é magnifico.Retrata com maestria a figura de Che, sua ideologia. Filme de grande relevância e atualidade.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: