[Resenhas] Os Homens Que Encaravam Cabras

Os americanos idolatraram “Guerra do Terror” ao ponto de dar à produção o Oscar de Melhor Filme. Já os críticos brasileiros entoaram loas para “Os homens que encaravam cabras” (“The men who stare at goats”), igualmente no mesmo mote da guerra. Se não gostei tanto assim do primeiro (leia minha resenha aqui), também não caí de amores pelo segundo.

O roteirista do excelente “Boa noite e Boa Sorte”, Grant Heslov, fala neste filme da atuação dos EUA no Oriente Médio, mas fica longe de sarcasmos mais precisos como os de “M.A.S.H.” de Robert Altman, com o qual foi (indevidamente) comparado. O filme estrelado por George Clooney tem boas piadas e, sim, muitas citações implícitas e explícitas à trapalhada era George Bush em meio a experiências secretas de exército que lida com… paranormalidade. Mas fiquei com sono na metade final.

O destaque mesmo é o elenco. Jeff Bridges brilha tanto ou mais que George Clooney, mas Ewan McGregor e Kevin Spacey não ficam atrás. No fundo, o filme fica no meio do caminho entre tratar dos absurdos do militarismo ou do misticismo sem limites. E as cabras ? Coitadas, podiam tê-las deixado em paz.

~ por Tommy Beresford em abril, 15 2010.

2 Respostas to “[Resenhas] Os Homens Que Encaravam Cabras”

  1. Não entendi e não gostei. Algumas piadas se salvam, o elenco e só.

  2. Pois eu adorei o filme: humor da melhor qualidade. Do elenco, Jeff Bridges com certeza é o melhor, distante dos demais, que estão apenas corretos. Não curto M.A.S.H. – pastelão demais pra mim – e também creio que não há comparação…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: