[Resenhas] Na Estrada

Confesso que fiquei com vontade de ler “On The Road”, livro de Jack Kerouac lançado em 1951 e que deu origem ao filme atualmente em cartaz no Brasil, “Na Estrada”. Em parte para saber se as personagens de Amy Adams, Terrence Howard e Alice Braga realmente existem no livro: elas aparecem por apenas poucos minutos na trama. Os créditos do filme me trouxeram outra curiosidade: onde estava Giselle Itiê no filme de Walter Salles ? E por que será que Viggo Mortensen mereceu um cartaz como este ao lado ?

Seja como for, é um ótimo filme, apesar de longo e de apresentar uma fotografia muitas vezes sombria demais. Apesar de Sam Riley ser oficialmente o protagonista e de Tom Sturridge estar muito bem, é Garrett Hedlund (de “Troia” e “Tron, o Legado”, pelo qual fora criticado) quem rouba a cena e vale o ingresso: seu Dean Moriarty é verdadeiramente o protagonista por conta da excelente interpretação do ator. Menção honrosa também para a entrega de Kristen Stewart pós-Crepúsculo e para a trilha sonora.

De resto, fico pensando na “juventude transviada” retratada no filme: entre drogas, bebida, orgias e alta velocidade, sempre sobrava tempo para ler um Proust. Pelo menos em 1949… Sem ousar comparar, coisa que detesto, mas o que dizer da juventude brasileira de hoje: mesmo a mais “boazinha” quantos livros lê ? Ok, pergunta imbecil, deixa pra lá…

Tommy Beresford

~ por Tommy Beresford em julho, 19 2012.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: