SP: O adeus ao Cinearte

De acordo com a Folha, nesta quarta-feira, 19.02.2020, a exibição de “Parasita”, às 21h30, na sala 1 do Cinearte, marca a última sessão de cinema de um dos cinemas mais tradicionais do circuito:

Com duas salas, o cinema estava sem patrocinador desde que a Petrobras não renovou o contrato no início de 2019, por orientação do governo Bolsonaro.

Localizado no interior do Conjunto Nacional, um dos endereços mais nobres da cidade, o cinema de rua foi inaugurado em 1963, na época, com o nome Cine Rio. Fechou pela primeira vez em 1978. Quatro anos mais tarde, voltou já com o nome Cine Arte 1, dirigido por Dante Ancona Lopez. Em 1998, Adhemar Oliveira, que também administra os cinemas da rede Espaço Itaú, passou a conduzir o cinema, que já se chamava Cinearte. Nestes 22 anos, teve patrocínio no nome em três ocasiões: Cine Bombril, Cine Livraria Cultura e, até março de 2019, Cinearte Petrobras.

Leia mais clicando aqui.

~ por Tommy Beresford em fevereiro, 19 2020.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: