Johnny Hallyday: A França homenageia seu ídolo

Ele faleceu no último dia 06.12.2017…

Johnny Hallyday (1943-2017)

…e os franceses não deixaram de homenagear seu ídolo Johnny Hallyday:

Milhares de pessoas foram às ruas de Paris no sábado (9) enquanto um comboio de 700 motocicletas Harley Davidson levava o caixão branco com o corpo do roqueiro francês Johnny Hallyday para uma cerimônia fúnebre acompanhada por estrelas e políticos franceses.

Cartaz de Hallyday exibido na fachada da Madeleine em 09.12.2017 (Foto: Pascal Rossignol/Reuters)

Cartaz de Hallyday exibido na fachada da Madeleine em 09.12.2017 (Foto: Pascal Rossignol/Reuters)

O cortejo fúnebre de Hallyday percorreu a famosa avenida Champs Elysees, do Arco do Triunfo até a Praça da Concórdia, em uma rara homenagem geralmente reservada a estadistas estrangeiros no Dia Nacional, em 14 de julho.

Enquanto a sua banda tocava versões instrumentais de seus maiores sucessos, os fãs entoavam as letras, muitos vestidos com jaquetas de couro e carregando fotos de Hallyday, um entusiasta das motos Harley Davidson, que morreu de câncer no pulmão na quarta-feira.

Johnny Hallyday

Johnny Hallyday

Em grande parte desconhecido no exterior, Hallyday era um nome familiar na França, onde tinha dezenas de milhões de fãs e vendeu mais discos do que qualquer outro cantor em uma carreira que abrange cinco décadas.

“O Elvis francês”, como era conhecido, fez carreira com versões francesas de músicas norte-americanas de rock e pop, incluindo “House of the Rising Sun”, que muitos franceses só conhecem como “Le Pénitencier”, um dos seus maiores sucessos.

Leia mais clicando aqui.

Johnny Hallyday era nome artístico de Jean-Philippe Smet nascido em Paris em 15 de junho de 1943, de origem belga por parte do pai. Ele faleceu em Marnes-la-Coquette em 06 de dezembro de 2017. Hallyday teve momentos de prestígio no cinema:

Johnny protagonizou filmes de diretores renomados como Jean-Luc Godard e Patrice Leconte.

Multidão homenageia Hallyday

Multidão homenageia Hallyday

Os aplausos também vieram em 2009 por sua interpretação de um assassino de aluguel aposentado que busca vingar a morte da família no thriller “Vengeance”, de Johnnie To.

Leia mais clicando aqui.

Algumas das obras das quais participou:

– L’Aventure C’est L’Aventure (1972), de Claude Lelouch
– O Animal (1977), de Claude Zidi
– Detetive (1985), de Jean-Luc Godard
– Conselho de Família (1986), de Costa-Gavras
– Uma Passagem para a Vida (2002), de Patrice Leconte
– Procurados (2003), de Brad Mirman
– Rios Vermelhos 2 – Anjos do Apocalipse (2004)
– Jean-Philippe (2006), de Laurent Tuel
– Vingança (2009), de Johnnie To
– Por Trás da Fama (2017), de Guillaume Canet

~ por Tommy Beresford em dezembro, 09 2017.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: