Nelson Xavier (1941-2017)

Nelson Xavier

Nelson Xavier

De acordo com o portal G1, o ator Nelson Xavier morreu, aos 75 anos, na noite de 09.05.2017 em Uberlândia, Minas Gerais. Tereza Villela Xavier, filha do ator, usou sua rede social para falar da perda do pai:

“Lamento informar a quem possa interessar que meu pai, Nelson Xavier, faleceu esta noite em Uberlândia. Seu corpo será transferido, celebrado e cremado no Rio de Janeiro em cemitério ainda não determinado. Agradeço desde já as mensagens de apoio. Ele virou um planeta! Estrela ela já era. Fez tudo o que quis, do jeito que quis e da sua melhor maneira possível, sempre”, escreveu ela.

Em 2014, durante o Festival de Gramado, Nelson Xavier contou que fez tratamento contra o câncer de próstata em 2004 e que estava livre da doença.

Como Lampião, contracenando com Tania Alves

Como Lampião, contracenando com Tania Alves

Nascido em São Paulo em 30 de agosto de 1941, Nelson Agostini Xavier cursou direito, mas sua paixão pela arte foi mais forte. Iniciou sua carreira no teatro, com peças como “Eles Não Usam Black-tie” (1958), de Gianfrancesco Guarnieri, “Chapetuba Futebol Clube” (1959), de Oduvaldo Vianna Filho, “Gente como a Gente” (1959), de Roberto Freire, e “Julgamento em Novo Sol” (1962), de Augusto Boal.

Destaque como Lampião em 1982 e Pedro Arcanjo em “Tenda dos Milagres” (1985), sua última novela foi em 2015 (“Babilônia”) e na televisão começou em 1967 (“Sangue e Areia”).

Nelson Xavier em Sangue e Areia, 1967

Nelson Xavier em Sangue e Areia, 1967

Nelson Xavier foi também diretor de cinema, e como ator fez dezenas de filmes. Entre seus tantos trabalhos no cinema, estão “O ABC do Amor” (1967), “Os Deuses e os Mortos (1970), “É Simonal” (1970), “Dona Flor e seus Dois Maridos” (1976), e “A Queda” (1978), de Ruy Guerra, que lhe rendeu um Urso de Prata no Festival de Berlim:

Nelson Xavier como Pedro Arcanjo, 1985

Nelson Xavier como Pedro Arcanjo, 1985

2016 – Comeback
2014 – A Despedida
2014 – Trash
2011 – O Filme dos Espíritos
2011 – As Mães de Chico Xavier … Chico Xavier
2010 – Chico Xavier …. Chico Xavier
2003 – Benjamim
2003 – Narradores de Javé
2002 – Lua Cambará – Nas Escadarias do Palácio
2001 – Girl from Rio
1998 – O Testamento do Senhor Napumoceno
1996 – Sombras de Julho
1994 – Lamarca
1991 – Vai Trabalhar, Vagabundo II
1991 – Brincando nos Campos do Senhor
1989 – Césio 137 – O Pesadelo de Goiânia
1988 – Amor Vagabundo
1988 – Luar sobre Parador
1985 – O Rei do Rio
1984 – Tensão no Rio
1984 – Para Viver um Grande Amor
1983 – O Cangaceiro Trapalhão
1983 – O Mágico e o Delegado
1983 – Gabriela
1982 – Amor e Traição
1981 – Eles não usam black-tie
1980 – O Bandido Antonio Dó
1980 – Bububu no Bobobó
1979 – O Bom Burguês
1979 – A Rainha do Rádio
1978 – A Queda
1977 – Gordos e Magros (Benedito)
1977 – Feminino Plural
1976 – Marília e Marina
1976 – Soledade
1976 – Ovelha Negra
1976 – Dona Flor e Seus Dois Maridos
1974 – Rainha Diaba
1973 – Vai Trabalhar, Vagabundo!
1972 – A Culpa
1971 – As Confissões de Frei Abóbora
1970 – Dois Perdidos numa Noite Suja
1970 – É Simonal
1970 – Os Deuses e os Mortos
1968 – Desesperato
1968 – Massacre no Supermercado
1967 – O ABC do Amor
1966 – Três Histórias de Amor
1965 – Arrastão
1965 – A Falecida
1964 – Os Fuzis
1963 – Seara Vermelha
1960 – Cidade Ameaçada
1959 – Fronteiras do Inferno

Laura Cardoso e Nelson Xavier no intervalo das gravações de Chico Xavier

Laura Cardoso e Nelson Xavier no intervalo das gravações de Chico Xavier

~ por Tommy Beresford em maio, 10 2017.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: