CurtaDoc em 07.08.2012

“Arquivo de Cinema”, episódio do CurtaDoc que estreia no SescTV na próxima terça-feira, 07 de agosto de 2012, às 21h, apresenta dois curtas que refletem sobre a memória cinematográfica brasileira — “Janela Molhada”, de Marcos Enrique Lopes e “Cinema é Maresia”, de Diogo Cavour. O programa é uma realização da produtora catarinense Contraponto e está em sua segunda temporada, com 52 episódios inéditos e exibição de 170 documentários brasileiros:

O cineasta Guilherme Castro, convidado especial deste episódio, faz um alerta para a quantidade de acervos espalhados pelo país em condições precárias de arquivamento. “Nossa estrutura de cinematecas não está dando conta de recuperar e preservar esse patrimônio. Quando conseguirmos abrir essas latas, resgataremos materiais importantíssimos para a memória do cinema e da cultura nacional”.

Janela Molhada, de Marcos Enrique Lopes (PE /2010), resgata imagens de filmes antigos e cinematografias regionais ao contar a história dos pioneiros do cinema pernambucano, os italianos Ugo Falangola e J. Cambieri, fundadores da primeira produtora do estado, em 1920. Ao mesmo tempo, o curta levanta a problemática da restauração de acervos do cinema mudo brasileiro e aborda o método de recuperação de películas em nitrato. Entre os entrevistados está a filha de Ugo, Dona Didi, última remanescente desta época.

A Cinemateca do MAM-Rio é o ponto de partida de Cinema é Maresia, de Diogo Cavour (RJ /2010). O curta faz uma reflexão sobre a geração cineclubista que marcou a vida cultural carioca entre os anos 1950 e 1960 e originou o Cinema Novo. Walter Lima Jr., Cacá Diegues, José Carlos Avellar e Hernani Heffner são alguns dos personagens dessa viagem sentimental.

No encerramento do programa, o Curtas Palavras traz depoimentos de profissionais da área audiovisual sobre o tema Linguagem. Nesta edição são entrevistados a cineasta Cristiane Arenas, a professora de cinema Alessandra Brandão e o montador Giba Assis Brasil.

O CurtaDoc faz uma panorama da produção de curtas-metragens no gênero documentário, em episódios semanais com uma hora de duração. Os curtas são comentados por produtores, cineastas e pesquisadores e discutem os mais variados assuntos da cultura brasileira. O canal SESCTV está disponível para todo o Brasil pela TV por assinatura, pelo sistema DTH: Sky (canal3), Oi TV (canal 28), GVT (canal 228) e CTBC (em diferentes números de canais) e em mais 77 operações de TV a cabo em todo o território nacional.

O CurtaDoc também está na web, como um acervo especializado em documentários brasileiros e latino-americanos. A coleção conta hoje com 826 curtas que podem ser assistidos na íntegra. Realizadores da América Latina podem inscrever suas produções diretamente no http://www.curtadoc.tv e participar de seleções para programa na televisão.

~ por Tommy Beresford em agosto, 05 2012.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: