Andreas Palluch: Falecimento e indignação

Andreas Palluch

Andreas Palluch

De acordo com o site do jornal O Dia, parentes e amigos do cineasta húngaro radicado no Rio Andreas Palluch, 65 anos, morto quarta-feira [05.04.2012] após 44 dias internado no Hospital Souza Aguiar, estão indignados com o tratamento que o paciente recebeu:

Entre outras reclamações, eles se queixam que o hospital demorou a operar Andreas, que sofreu lesão grave no pescoço após ser agredido com uma ‘gravata’ por assaltantes, na Lapa, no domingo de Carnaval, dia 19 de fevereiro.

Após a agressão, Andreas perdeu movimentos das pernas e parcialmente de um dos braços. Acabou morrendo na última quarta-feira, segundo o hospital em consequência dos ferimentos que teve durante o assalto. A família diz que ele contraiu infecções.

De acordo com sua filha, Andrea Palluch, uma operação para descompressão da medula e fixação da coluna foi desmarcada quatro vezes. Ela afirma que o hospital teria também demorado a lhe fornecer o laudo do pai, dificultando eventuais transferências que a família planejava.

Leia mais clicando aqui.

~ por Tommy Beresford em abril, 10 2012.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: