Anselmo Duarte e o cinema brasileiro

Anselmo Duarte

Anselmo Duarte

No Terra Magazine, André Setaro publicou hoje [10.11.2009] o artigo “Justiça se faça a Anselmo Duarte”, falando sobre o cineasta que faleceu recentemente:

A conquista da cobiçada Palma de Ouro do Festival de Cannes, em 1962, por “O pagador de promessas”, uma produção do paulista Oswaldo Massaini e direção de Anselmo Duarte, que, em sua filmografia, tinha apenas a comédia “Absolutamente certo”, provocou uma imensa inveja entre os cinemanovistas cujas consequências perturbaram a trajetória do realizador para o resto de sua vida. Não se queria admitir que um diretor, que era um galã das chanchadas da Atlântica e dos filmes da Vera Cruz, e cineasta quase neófito, pudesse trazer para o Brasil a Palma de Ouro. Anselmo Duarte Bento (seu nome completo) veio a amargar os despeitos, mas, na última década, já provecto, viu recompensados os seus esforços com alguns prêmios vindos da classe cinematográfica, principalmente o conferido pela Academia Brasileira de Cinema.

Leia o texto completo no Terra Magazine clicando aqui.

~ por Tommy Beresford em novembro, 10 2009.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: