Mistérios de Barravento

Barravento

Barravento

Artigo de André Setaro, de Salvador, para o Terra Magazine:

Barravento, primeiro longa metragem de Glauber Rocha, apesar de somente lançado em 1962, começa a ser produzido em 1959. Sobre ser um filme do maior cineasta brasileiro de todos os tempos, Barravento se estabelece mais além na sua importância, pois se enquadra como um dos propulsores do importantíssimo – e quase esquecido pela ausência de memória característica dos brasileiros e, particularmente, dos baianos – Ciclo Bahiano de Cinema, que eclode com Redenção (1956/1959), de Roberto Pires, o primeiro filme de longa duração feito na Bahia, que transforma a cidade de Salvador numa efervescência cinematográfica nunca vista, quando se tenta criar uma infra-estrutura capaz de dar prosseguimento a um cinema característico da baianidade e dotado de acentos universalistas.

Assim, com a aparição de Redenção, várias pessoas acreditam na real possibilidade de se fazer cinema nestas plagas, como Rex Schindler, Braga Neto, Winston Carvalho, Palma Netto, David Singer, principalmente o primeiro, que tiraram dinheiro do bolso para produzir filmes como Barravento, A Grande Feira (1961), Tocaia no Asfalto (1962) – ambos de Pires, O Caipora (1963), de Oscar Santana, Sol sobre a lama (1964), de Palma Netto e Alex Viany, O grito da terra (1964), de Olney São Paulo, obras genuinamente baianas e bancadas com capital de empresários locais.

A febre, porém, tal qual um imã, atrai produtores do sul e até estrangeiros – para ficar num só exemplo: O pagador de promessas (1962), de Anselmo Duarte, produzido pelo paulista Oswaldo Massaini e que ganha a Palma de Ouro no Festival de Cannes – é bom que se diga que este é o único filme brasileiro a conquistar a tão cobiçada palma do Croisette.

Leia o texto completo no site do Terra Magazine, clicando aqui.

~ por Tommy Beresford em outubro, 14 2008.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: