Sangue Para Todos os Lados

Do Terra:

O longa Encarnação do Demônio, novo filme do cineasta José Mojica Marins – e que encerra a trilogia do personagem Zé do Caixão – é marcado pela violência e efeitos visuais.

No filme foram usados 3,8 mil litros de sangue cenográfico, presentes em boa parte das cenas do longa.

Além disso, diversos animais foram usados no filme. Como é de praxe nos trabalhos do cineasta, aranhas saem de um cadáver e caminham sobre o rosto do protagonista.

Leia mais clicando aqui.

Mais posts sobre José Mojica Marins clicando aqui.

~ por Tommy Beresford em julho, 29 2008.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: