[Resenhas] Horton e o Mundo dos Quem!

Horton e o Mundo dos Quem, cartazSe eu começar este texto dizendo que Horton e o Mundo dos Quem! tem tudo a ver com nossa (não) compreensão do universo, de Deus e da nossa insignificância diante do infinito (e do quanto nos achamos prepotentes para lidar com a vida), o leitor vai achar que o filme foi feito para adultos e não para crianças (como alguns ditos infantis que já assistimos anteriormente). Mas a longa de animação é um filme que agrada internautas de todas as idades e, sim, as crianças se divertem bastante.

A produção é uma adaptação de “Horton Hears a Who!”, livro do Dr. Seuss, o mesmo criador d’O Grinch. Conta a história de um elefante que um dia ouve vozes vindo de um pequenina partícula de areia.

Horton e outros personagensO grande problema de Horton (do personagem no contexto da história, e não do filme) – como em muitas fábulas conhecidas e antigas – é que o orelhudo tem fama de ter imaginação demais, e mora num local onde a “chefona” é uma Mamãe Canguru pra lá de chata e nada afeita a arroubos de imaginação e criatividade.

Vi a versão com (excelente) dublagem, mas vale citar que, com este filme, Jim Carrey volta a trabalhar em uma produção baseada nas obras de Dr. Seuss (o outro foi justamente “O Grinch”). Além de Carrey há também Steve Carrell, que dubla o prefeito do Mundo dos Quem (curiosamente, os dois já haviam trabalhado juntos em “Todo Poderoso”, de 2003, e Carrell por sua vez protagonizou “Todo Poderoso 2″, que por sua vez não teve Carrey no elenco, em 2007).

O grande destaque é justamente o Mundo dos Quem (a Quemlândia), numa belíssima e divertida realização, cheia de cenários bem bolados e personagens em situações bem divertidas em cima de uma história realmente interessante. O filme ainda tem o mérito de deixar adultos e crianças com água na boca para ler os livros do Dr. Seuss. Excelente pedida, recomendo.

Tommy Beresford

Em tempo: caso você tenha chegado aqui procurando alguma resenha crítica do filme para um trabalho escolar, lembre-se que o nome do autor e, em especial, o estilo de quem escreve fazem a grande diferença (e não enganam o professor, ainda que você mude uma parte ou outra do texto).

Horton e o Mundo dos Quem, cena

~ por Tommy Beresford em abril, 01 2008.

6 Respostas to “[Resenhas] Horton e o Mundo dos Quem!”

  1. pensei nisso quando vi o trailer!
    aquela parte quando alguém diz que, se você não pode ver, tocar ou ouvir, não existe.

  2. Meu personagem favorito é JoJo. Quando vi o trailer pensei nisso!

  3. Bacana! Acho que vou assistir nesse feriadão!
    Beijo!
    Danny.

  4. eu adorei o filme muito legal……s2

  5. este e o melhor bem melhor do que aquele do rio.devia ganhar algum ou mais algum premio.eu tive que ver para fazer uma resena e ele e o melhor que eu ja ve.e eu estou no 4 ano e tenho 9 anos.

    obrigada.

    ana luiza

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 125 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: